18 outubro 2008

Praticando o milenar escambo

Acabei de chegar da casa da minha tia Míriam aonde organizamos (parte das mulheres da família) um moderno escambo.

Escambo, para quem não sabe, é a troca, a permuta de mercadorias. Existe há muuuuito tempo. Quando não existia dinheiro (ou sal, como entre os romanos), as pessoas trocavam o que lhes sobrava pelo que precisavam.

E foi um escambo que realizamos hoje! Sapatos altos demais pra dona, chinelinho que machucava o pé de quem o comprou, roupas que já não servem... tinha de tudo um pouco. Aliás, tão pouco que já marcamos outro pro sábado que vem! Acabei ficando com crédito (devidamente anotando quem me "deve", claro! rsrs) e pretendo fazer mais negociações no brechó da semana que vem.

Eu adorei a idéia porque nós (e falo principalmente das mulheres) costumamos guardar tanta coisa, juntar roupa que pensamos que ainda vamos usar porque emagreceremos, ou porque voltaremos a gostar delas, ou sei lá qual o outro motivo... e aquilo vira simplesmente "coisa" abarrotando nossas gavetas, nosso guarda-roupa! Doar é uma boa, mas se nós podemos trocar por algo de que precisamos (voltei pra casa com uma calça jeans que provavelmente compraria nos próximos dias!), por que não fazê-lo?

Então, gurias, fica aqui a sugestão: juntem as amigas, as primas, tias, mães, cada uma leva tudo que está encostado em casa (vale bijou, roupas, sapatos, bolsas... no nosso tinha até quadro!), levem seus comes-e-bebes e divirtam-se (porque quando um monte de mulher de bem com a vida se junta, as risadas são inevitáveis!).

Um comentário:

  1. Que ideia óima!Assim a gente se diverte,encontra a familia e ainda leva alguma coisa pa casa.

    ResponderExcluir