15 outubro 2010

Sobre os mineiros chilenos


Poucas vezes um evento distante de mim me emocionou tanto como o soterramento dos mineiros chilenos no deserto do Atacama e, muito menos vezes ainda, me emocionou tanto acompanhar o final de uma história!

Desde agosto eu assistia o desenvolver da história do salvamento daqueles homens e pedia pra Deus que tudo acabasse da melhor forma possível. Como muita gente, não esperava um final tão "breve"!

Vi o primeiro mineiro sair e chorei com milhares de pessoas ao redor do mundo, quando ele abraçou o filho e sua esposa. Vi outros tantos mineiros saindo e igualmente me emocionei.

Acho que o que nos comprova humanos é a capacidade de nos compadecermos com a dor do próximo. Vendo homens tão distintos saindo de debaixo da terra depois de 69 dias, depois de tanta expectativa, tantos receios, tanta espera, me fez pensar em como seria se fosse meu pai, um irmão ou o homem amado ali, naquele espaço mínimo, isolado. E não tinha como não sofrer com aqueles filhos, esposas, pais...

Como Deus é bom! E como nós seríamos melhores também se só usássemos a nossa inteligência, a nossa capacidade de criar, para o bem!

3 comentários:

  1. Bela texto e boa mensagem Sheila :)

    ResponderExcluir
  2. Sheila,foi um dia inesquecível!
    Foi maravilhoso!
    Fiquei com a tv ligada assistindo o dia inteiro!
    Graças à Deus pela vida dessas pessoas e de todos os que ajudaram diretamente e/ou que rezaram por este final feliz!

    ResponderExcluir
  3. Oi Fer,

    Obrigada :)
    ____

    Sandra,

    Inesquecível mesmo! E tem gente ainda que duvida que há um ser perfeito acima de nós, né?
    ____

    Beijocas, gurias, delicioso fds.

    ResponderExcluir