13 abril 2010

... y otras cositas (13)

Edição 13 do ... y otras cositas no dia 13!

Aff, ando com o tempo tão corrido que nada tem a ver com o clima de férias! Desde quinta-feira passada tenho acordado bem cedo - pra quem tá de férias, com climinha friozinho, 8h é bem cedo, rsrs - pra tentar resolver coisas pendentes minhas e do meu irmão: levando roupas no conserto, levando ele pra fazer Título de Eleitor... Não tem como não aproveitar este tempo pra resolver questõezinhas que o dia corrido nosso, quando estou trabalhando, nos impedem de fazer.

***

Acho que, finalmente, agora posso ser chamada de professora: arranjei um aluno para aulas particulares de Português. Ele é um engenheiro turco que trabalhou um tempo no Haiti - antes do terremoto - e em Trinidad e Tobago e que, passando por Foz e esperando a resolução de uns problemas com seu passaporte, resolveu aprender português. Tô gostando, ele é esperto, aprende rápido e, principalmente, é experiência que eu tô ganhando.

Outra guria já apareceu, agora interessada em aulas de Espanhol. Ainda não me respondeu depois que passei os valores.

***

Os gatinhos da Kitty de Nazaré começarão a ser dados essa semana. Estão tão fofos e engraçadinhos que tô com dozinha. Felizmente todos praticamente já têm donos - só uma que está esperando a possível dona se recuperar de uma cirurgia - e tudo gente boa, que gosta mesmo de gato.

***

Eu tenho uma prima que, quando era criança, passava mal antes de viajar, de ter febre e tudo. Um médico diagnosticou ansiedade.

Não passo mal nem nada, mas fico muito ansiosa também antes de viajar. A ficha só começou a cair ontem e fico pensando direto que, em poucos dias já estarei lá.

(que em poucos também já estarei de volta, não quero pensar :(


***

E, por conta da viagem, ontem rolou ida ao Paraguai. Cansativérrimo! Fui comprar as coisas que o meu irmão Lucas encomendou e, como tinha uma câmera fotográfica no meio - gente, linda, Olympus e custando só US$ 111!! -, resolvi declará-la com outras coisas compradas.

Então, como contei pra Lanny em um comentário, isso de declarar é obrigatório pra quem compra menos do que os US$ 300 de cota de compras sem impostos. Acima disso tem que legalizar a mercadoria, pagar 50% sobre o valor que excede a cota e tals. E abaixo tem a tal declaração, a DBA - Declaração de Bagagem Acompanhada. Ontem, justo ontem, a fila tava gigante. Fora a grosseria de TODOS os funcionários, dos da Receita Federal até os digitadores terceirizados. Mas, entre mortos de cansaço e feridos com pés doendo dentro dos tênis, salvaram-se todos.

***

Amanhã completo 35 anos. Tenho sentido uma mistura de emoções, de alegria a tristeza, sentimento de derrota. Obviamente, tenho tentado ficar com os pensamentos positivos, mas não é muito fácil porque fico pensando em o tanto de tempo que já vivi e o que não construí - nem família, nem trabalho que me realize, nem o homem amado comigo, nem tranquilidade financeira...

Bom, mas amanhã rolará um bolo aqui - aliás, preciso ir encomendar! -, salgadinhos e refri para quem aparecer. Convidei gente amada "de fora" - alguém mais se refere a pessoas de outras cidades como "de fora"? rsrs - mas acho que não virá.

***

Eu tenho visto tanto, mas tanto filme bacana! Eu sei que já contei isso e falei que ia postar comentários dos filmes e tô com vergonha de quem ficou esperando, mas sabe quando não calha de coincidir vontade com tempo?

A maioria eu vi em casa mesmo, mas fui ver Chico Xavier no cinema duas vezes semana passada, uma sozinha e outra com duas evangelizandas minhas - eu gosto de ir no cinema sozinha. Tudo bem que nem fiquei tão sozinha porque encontrei uma ex-evangelizanda com a mãe. O filme, inclusive, gerou uma discussão bem gostosa com um colega da lista de cinema da qual faço parte. Quem quiser ler no blog do Sílvio, eis o link.

***

E é isso, que eu já escrevi demais e preciso dar uma atenção à casa, agora.

Até a próxima!

Nenhum comentário:

Postar um comentário