08 maio 2011

Ô, lá em casa!! (9)


Cada um faz aniversário com quem merece: eu faço com aquele ator que fez o pai do "fantasminha" na novela das 6 antes de Araguaia. Minha irmã faz com o George Clooney :| Pois é.

O George - íntima! - fez 50 anos sexta-feira. O que eu acho mais legal é que ele tem cara de 50 anos, não tem cara de piá, não parece mais novo, não pinta cabelo... ele assume a idade e faz muito bem. Beleza não tem idade, e o mais novo cinquentão do cinema prova isso.

A primeira vez que o vi foi em um filme dos anos 80 chamado Loucademia de combate - obrigada Google por me ajudar a lembrar o nome do filme. Fiquei sabendo agora que foi o primeiro filme que ele fez. E eu gravei por causa dele :$

Bom, mas o tempo passou e aí ele apareceu em Plantão Médico - porque eu via na Globo, com esse nome, não como ER, ok? - e todo mundo se apaixonou por ele. A partir daí a gente já sabe a história: anos na série, depois cinema, moço engajado socialmente mas ainda com filmes bárbaros no currículo - Syriana, pelo qual ele ganhou Oscar de ator coadjuvante e Boa noite, boa sorte, pelo qual concorreu, entre outros prêmios, até por melhor diretor, são meus preferidos - e um solteirão convicto.

Eu preferiria que ele fosse paizão de família, super-fofo com isso, apegado com a esposa e os filhos - tô muito romântica hoje... -, mas mesmo que ele fuja do compromisso do casório, ele merece ser o astro da volta dos posts Ô, lá em casa!! depois de quase 1 ano.

Happy B-day atrasado pro George então :)

Nenhum comentário:

Postar um comentário