04 outubro 2009

Mercedes Sosa, 1935 - 2009



La Negra desencarnou hoje.

Mercedes Sosa entrou na minha vida por intermédio das minhas tias e da minha mãe. Aprendi a gostar muito de suas canções, mais ainda quando entendi o que as letras diziam. Solo le pido a Dios, Alfonsina y el mar, Duerme negrito, Volver a los 17...

Escolhi Gracias a la vida para homenageá-la. Tentei colocar a tradução aqui mas o Blogger tá rebelde hoje e desconfigurando tudo. De qualquer forma, não creio que haverá dificuldade para entender.

Que Deus a abençoe e a ampare.

3 comentários:

  1. Ai que linda canção!! Eu adorava o trabalho dessa mulher! Que voz! Que talento!! Que falta ela fará!

    ResponderExcluir
  2. Sandra,

    Amém!
    _____

    Branca,

    Linda demais, né? Também sentirei falta. Bendito Youtube que hoje em dia mata - quase - todas as saudades!
    _____

    Beijocas e bom fds, gurias.

    ResponderExcluir