Pular para o conteúdo principal

Notícias de Estreito (3)

Último sábado no Maranhão. Sentimento agridoce. Saudade da minha cama, dos meus bichinhos, de Foz. Vontade de sentir frio, de dormir de edredon... Mas também triste por deixar o carinho de todos aqui, o colo da mãe, os passeios... Acho que, no final, a gente - eu, pelo menos! - vou passar a vida sentindo saudades de alguém/algo/algum lugar!

***

Quarta-feira fomos até Araguaína, em Tocantins, uns 120 km daqui.

Há uns 15, 16 anos - e eu sempre me assusto quando vou contar algo que faz mais de 15 anos...rsrs - eu conheci um alemãozinho que morava em uma missão menonita - uma religião alemã - ali em Araguaína e eu morria de dó dele, pensando que era o fim do mundo.

Bom, até podia ser, mas hoje em dia é uma cidade arrumadinha, com um bom comércio - ainda tô besta como sapatos são baratos lá! -, com gente educada, com super-mercado bom... Achei muito mais bonita e limpa que Imperatriz! Tão perto, tão distante! A gente muda de estado, de região geográfica - sai do Maranhão, no Nordeste e vai pra Tocantins, no Norte - e é muito diferente!

***

Eu tô indo embora surpresa com a sujeira da cidade onde estou, com a falta de educação do povo, com a naturalidade com que prostituição e promiscuidade são vistas pelos moradores, com a falta de respeito geral de motociclistas e motoristas...

***

Vocês já viram alguma cidade desenvolvida com nome de político? E de político vivo? Não lembro de nenhuma. Tristemente aqui é comum cidades com nomes de políticos, até com o nome do tal do Edison Lobão - ministro nó-cego do governo do Senhor Lula. 

Eu fico pensando... teria vergonha mortal de dar meu nome a uma cidade miserável! Mas parece que tais senhores querem a homenagem, não a decência de tornar seus estados lugares melhores para se viver.

E por falar nisso, quando que NÓS vamos pensar direito antes de votar? Meu pai disse, quando minha mãe contava dos absurdos da administração municipal daqui, que o povo tem o governante que merece. Então, quando vamos pensar que merecemos coisa boa? E quando as pessoas mais ignorantes vão aprender a não votar em quem lhes dá algo, ou quem é bonitinho - tá, no Beto Richa e no Aécio Neves pode votar, tá? Brincadeira, brincadeira!! -, ou porque fala umas coisas bonitas que as criaturas sequer entendem??

Ano eleitoral me deixa irritada e indignada!

***

Ano passado, quando vim pra cá, contei de um passeio que fizemos ao Rio das Pedras

Um lugar lindo de viver, maravilhoso! Contei no post que ele sumiria por causa da barragem. Pois é, ele já está fechado pra visitas. E a gente pretendia passar o dia lá amanhã. Dá dó duas vezes, por um lugar tão bonito desaparecer e também porque não poderei tomar banho lá.

***

Minha cunhada quebrou meu Blot agora à noite. Gente, doeu. Mais do que perceber que a moça que cortou meu cabelo em Araguaína fez caca na minha cabeça. 

Tá, eu sei que é coisa material, que parece muita futilidade, mas eu demorei um tempinho pra ter coragem - e coragem $$ - pra comprá-lo e não é algo que a gente encontra que nem produto da Avon!

Acho que já descobri em uns blogs como recuperá-lo e espero que funcione.

***

E é isso. Cheguei há pouco de um aniversário/churrasco, nem troquei de roupa ainda e vim escrever este post e procurar descobrir como compactar o Blot. Quero cama. E quero dormir até tarde porque sei que vai demorar um tanto para resolvermos pra onde ir amanhã. O lado bom é que balneários aqui em volta não faltam!

Comentários

  1. Eita! Araguaína... faz anos que fui lá pra encontrar um amigo querido chamado Epifânio. Fico bem curiosa de ver como está a cidade agora, pois na época era bem feinha.... boa sorte com o blog, amiga! pq ele eh bem carinho mesmo! Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Sheila eu ri tanto desse seu "diário" kkkkkkkk... engraçado demais!!!

    Então gostamos da Agatha?! Doeu tanto quando disseram lá na Unioeste que Agatha não é literatura... pô... magoa kkkkk

    Bom saber que a gente tem coisas em comum, Sheila. Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Oi amiga Sheila, volta que já tó com saudades ....é amiga, bate saudade do nosso cantinho, e aperta o coração deixar entes tão queridos , que nos dão colo como agente sempre precisa, e ainda mas nós que nos sentimos tão só, né?
    Mas é doce vida!
    Qto a politica nem vou comentar, pq detesto e tb não gosto de ano eleitoral.
    Curta muito o restinho da viagem e bjus a sua mamys e seu papys...
    Bjus !

    ResponderExcluir
  4. "boa sorte com o blot" e nao blog! :D

    ResponderExcluir
  5. Oi Lanny,

    Olha, comparando com Imperatriz, a maior cidade do MA aqui perto, achei arrumadinha, mas pensa que estou falando em termos de interior do Norte/Nordeste. É outra realidade, né? - ah, os muitos Brasis no Brasil...

    Do blot, eu entendi, rsrs
    ____

    Lu,

    Eu não ligo pras críticas do que eu leio, mas no campus aqui de Foz, com meus professores, aconteceu o contrário: tudo é literatura, tudo é leitura. Uma visão bem mais democrática. ´

    Só não perdoaram o fato d'eu contar que li Paulo Coelho e gostei! hahaha
    ____

    Cris,

    Pois é... sabe aquela história de sentir a falta e dar importância quando estamos longe? É que também, ao mesmo tempo que me dei conta de que eu estou ficando velha - a caminho dos 40, guria! rsrs - me dei conta que meus pais também estão envelhecendo... e dá um medinho, né?
    ____

    Beijocas e linda semana pra vocês.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Você sabe o que é um "scammer"?

Eu fico tanto tempo sem escrever que, quando volto, fico com vergonha, pode?
Em minha defesa quero dizer que andei muito ocupada e sem nada de interessante pra escrever e que ando visitando os blogs que curto mas NÃO CONSIGO comentar há semanas! Sempre dá erro.
Mas, vamos ao que me motivou voltar a escrever um post. E senta confortável porque a história é longa mas muito séria e importante de ser conhecida.
Vocês já ouviram falar em scammer ou scam?
Scam, traduzindo meia-boca do original inglês, é um golpe, trambique, cambalacho. Scammer é quem o pratica. Na internet os scams mais conhecidos são aqueles golpes que com certeza vocês já conhecem de receber um email dizendo que tem um dinheiro em um banco africano e que você foi escolhido pra ficar com aqueles milhões. Já não recebeu um desses emails?
Mas existe mais um tipo de scam que tem se alastrado e que eu conheci este final de semana, da forma mais dolorosa: quase sendo vítima dele. É o scam romântico.
Se por um lado eu me enverg…

As calcinhas no varal

Hoje lavei minha roupa e, ao estendê-la no varal, fiquei chocada com a "qualidade" de boa parte das calcinhas que ali estavam.

As mulheres que têm entre 30 e 35 anos provavelmente cresceram ouvindo suas mães dizerem para cuidar com a roupa de baixo que usa porque se desmaiar na rua todos verão a calcinha velha, o sutiã com alça encardida - nem é o tema do post, mas quero avisá-las que é verdade! Um ex-colega de faculdade, bombeiro, diz que sim, eles reparam, mesmo nos momentos mais complicados de socorro, se as "moçoilas" estão com calcinha feia! - e falarão que a dona da lingerie é uma porquinha!

Daí hoje, olhando as calcinhas no varal, eu fiquei pensando que ali estavam aquelas calcinhas que normalmente eu usaria só pra dormir. Mas eu não só durmo! Ou seja, eu saí com boa parte delas!!

"Analisando" o varal, lembrei de que eu sempre tentei ser caprichosa com o que vestia por baixo da roupa. Mesmo quando era casada tentava usar lingerie arrumadinha e depois,…

25 em 2013 - Livro 5: Sua resposta vale um bilhão

Eu sinto tanto só agora escrever sobre Sua resposta vale um bilhão que li em fevereiro! Principalmente porque vou deixar muita coisa bacana do livro de fora. Mas gostei tanto que, mesmo assim, vale a pena.
Minha história com o livro é longa. Sou apaixonada pelo filme Quem quer ser um milionário - sobre o qual comentei efusivamente aqui, há 4 anos. Naquela época eu já tinha me interessado pelo livro, primeiro do autor - um diplomata indiano - mesmo correndo o risco de me decepcionar com o filme depois de lê-lo.
Namorei o livro longamente até que encontrei na Estante Virtual - um site que reúne sebos do Brasil inteiro - no comecinho do ano. Paguei R$ 4- sim, quatro reais! - por uma edição praticamente nova.
Quanto à história, muita coisa é diferente do filme - e necessário, se pensarmos na impossibilidade de adaptar um livro inteiro pra 2h de película. Escrevendo isso, o que me vem à cabeça é que, na verdade, o filme é inspirado na idéia central, do menino pobre, criado no mundo e que ganh…