04 junho 2009

Luxúria - Isabella Taviani

"Dobro os joelhos
Quando você, me pega
Me amassa, me quebra
Me usa demais...

Perco as rédeas
Quando você
Demora, devora, implora
E sempre por mais...

Eu sou navalha
Cortando na carne
Eu sou a boca
Que a língua invade
Sou o desejo
Maldito e bendito
Profano e covarde...

Desfaça assim de mim
Que eu gosto e desgosto
Me dobro, nem lhe cobro
Rapaz!
Ordene, não peça
Muito me interessa
A sua potência
Seu calibre, seu gás...

Sou o encaixe
O lacre violado
E tantas pernas
Por todos os lados
Eu sou o preço
Cobrado e bem pago
Eu sou
Um pecado capital...

Eu quero é derrapar
Nas curvas do seu corpo
Surpreender seus movimentos
Virar o jogo
Quero beber, o que dele
Escorre pela pele
E nunca mais esfriar
Minha febre..."


**Para você, meu querido R.**

____
Foto: passion by Utzu

7 comentários:

  1. Que lindo!! Não sei bem a palavra exata pra usar. Disse lindo mas acho que quis dizer -Uau!!!rsrs

    Adorei a ousadia dessa mulher.

    bjos

    ResponderExcluir
  2. Oi Branca,

    É muito lindo, né? Ousado e apaixonado. Desde a primeira vez que ouvi a música amei-a!

    Beijocas e bom fds.

    ResponderExcluir
  3. Passa no meu blog pois tenho selinhos pra vc.

    bjos

    ResponderExcluir
  4. Conheço Isabella Taviani e essa música. Very hot!...

    ResponderExcluir