Pular para o conteúdo principal

:S

Tô na fac e dei uma fugidinha da sala pra contar da Kitty.

Ontem quando cheguei em casa e ia tomar banho ouvi a Kitty miando abafado. Descobri que ela estava na mangueira na casa do vizinho. Fui até lá, os vizinhos - mesmo já sendo umas 22h - foram super-gentis, fiquei com a dona da casa chamando ela por mais ou menos meia hora, ouvíamos ela miar, mas nada dela descer.

Passei a noite na esperança que ela aparecesse e nada.

Continuo esperançosa de que ela, usando do seu instinto de sobrevivência, descubra como descer porque a árvore é bem alta e cheia de ramos, ou seja, não tem como eu subir atrás dela!

Ah, pessoal, cruzem os dedos e façam suas preces, se assim crerem! Ao mesmo tempo que espero que ela desça, tenho medo dela não conseguir e, fraquinha, acabar se machucando ou sendo atacada pelos cachorros da casa - apesar de que eles são bonzinhos, mas são... cachorros!

Qualquer novidade, posto aqui!

Comentários

  1. Nossaaa, que triste!!
    Vamos pensar positivamente, sua gatinha vai sobreviver!!!

    bjks

    ResponderExcluir
  2. Ah, florzinha! É só o que me resta!

    Bjks e obrigada.

    ResponderExcluir
  3. Oi, Sheila!
    Em cima de uma dessas mangueiras enormes está a Kitty? Use o serviço da prefeitura pra te ajudar, menina!
    Que ela fique bem.
    Um beijo,
    Talita.

    ResponderExcluir
  4. Oi Talita,

    Pois é, menina!

    Já vi com os bombeiros e eles disseram que não fazem isso porque é arriscado - ué, se fosse simples eu já tinha resolvido, né?

    É continuar pensando positivo pra q ela decida se arriscar e voltar pra casa.

    Bjks e obrigadíssima :)

    ResponderExcluir
  5. "(...)não fazem isso porque 'é arriscado'".

    Eu senti - com todo respeito aos bombeiros - uma pontinha de má vontade nessa resposta... ¬¬"

    Por outro lado, vejo como uma coisa boa que ninguém a retire de lá.

    É como você disse, Sheila: deixemos os instintos fluírem, para ela, por si só, aprender a lidar com essa situação. Dessa forma, não se cria um condicionamento ruim.

    Pena que os gatos só têm garras para descerem de costas... Daí que tudo fica um pouquinho mais complicado...

    Mas, tenho para mim que a "mamãe" necessidade vai dar um empurrãozinho nela... ;)

    Façamos, então, torcida organizada, com direito à bandeira e corneta (sul-africana), na porta da casa de Sheila! XDD

    Beijo nas bochechas das duas gatinhas!

    ResponderExcluir
  6. se tivesses uma pressão-de-ar ela já estava cá em baixo :D

    ResponderExcluir
  7. Servo,

    Pois é, senti má vontade tb do bombeiro mas, como disse uma tia minha, eles têm coisas mais importantes pra fazer, né? Deixa pra lá!

    No mais... é esperar, torcer pra ela ter muita fome logo ou, quem sabe, simplesmente se jogar lá de cima no telhado do outro vizinho.

    Obrigadíssima pelo carinho e pela organização da torcida :)

    ___

    Luís,

    Pelo menos a sua sugestão me fez rir aqui. Só você mesmo pra sugerir algo tão... tão... "capetinha", né?

    (In?)felizmente não tenho arma de qualquer tipo em casa.

    _____

    Bjks com agradecimentos pros dois.

    ResponderExcluir
  8. bem, esperemos que logo ela desça da árvore como subiu: sozinha...

    ResponderExcluir
  9. Henryhh,

    Pois é... esgotadas as possibilidades, que ela assim o faça!

    Obrigada :)

    ResponderExcluir
  10. Viajei agora, entendi que era uma mangueira de jogar água no jardim logo que li... Não fique brava, estou muito cansada!!
    Tudo que sobe desce né? Ela vai achar um jeitinho... E não acho que seja uma boa alguém tentar tirá-la de lá... Um empregado da minha tia foi dar uma de bom samaritano e tentar tirar um gato de cima da árvore perto da casa dela, sabe o que aconteceu?? O gato atacou ele!!!! Ficou todo arranhado!!

    ResponderExcluir
  11. Tainá,

    Pois é, florzinha.

    ___

    Mel,

    Não fico brava. rsrs

    Vou ter que tentar tirá-la sim porque agora de manhã consegui vê-la e tá em uma árvore ao lado da mangueira, meio sem ter pra onde ir. Sei que sobrarão umas arranhadas pra mim, mas será o jeito.

    Tudo dará certo. Assim espero!

    ___

    Bjks nas duas.

    ResponderExcluir
  12. Oi Sheila!
    E a Kitty? novidades?
    Qdo. ela tiver muuuuuita fome ela vai conseguir criar "coragem" e volta pra vc.
    Olha, a minha mãe quando era pequena, lá pelos anos 50, tinha muiiiiiiiiiiitos gatos, eram mais de 10!!!

    Um certo dia, meu avô resolveu que eles deveriam ir embora. Colocou-os em um saco e levou pra bemmmmmmmmm longe e soltou.

    Minha mãe chegou da escola e nada dos gatinhos. Ela ficou muito triste...esperou, esperou e nada dos gatinhos.

    Perguntou por eles e os pais disseram que não sabiam... dias depois .... surpresa! todos voltaram para casa!

    Aí meu avô confessou o que havia feito! rsrsrs

    Conclusão: Os gatinhos por mais que estejam em uma situacão adversa sempre encontram o caminho da casa dos seus amados humanos...e sempre voltam.

    Não vai ser diferente com essa "menina levada'!!!

    Bjs,
    AA.

    ResponderExcluir
  13. P.S. E vc. esqueceu que os gatos tem 7 vidas?
    Ela não vai ficar "fraquinha"não!!!

    ResponderExcluir
  14. Oi Sandra querida,

    Eu acho que ela não sabe das suas 7 vidas... (rsrs)Eu, no lugar dela, já teria me jogado. Uma patinha luxada poderia acontecer, mas nada que antiinflamatório não resolvesse - falo por experiência com outros gatinhos meus que caíram de lugares altos...

    Bom, ela tá lá, no altão da árvore e eu tô esperando meu cunhado aparecer um a escada que, se Deus quiser, me ajudará a tirá-la de lá!

    Obrigada pelo carinho :)

    Beijocas e bom dia.

    ResponderExcluir
  15. Sheila: Não dá pra enteder o que se passa na cabeça desses gatos! Por que sobem, se não conseguem descer? O mesmo instinto que os faz subir despreocupadamente, deveria ser o mesmo que os fizesse descer, né?!
    Delícia de blog o seu!

    ResponderExcluir
  16. Laély,

    Ah, menina, eu acho que ela subiu no susto com os cachorros donos da casa. E sim, deveriam saber subir e descer, com a mesma agilidade!

    Delícia de blog é o seu! E que lugar lindo onde você mora!!
    ___

    Luís,

    Você anda muito bélico! Mas acho que tá perto de tudo ser resolvido...

    Por que não aparece mais no msn? A "patroa" não deixa? rsrs

    ___

    Bjks nos dois.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Você sabe o que é um "scammer"?

Eu fico tanto tempo sem escrever que, quando volto, fico com vergonha, pode?
Em minha defesa quero dizer que andei muito ocupada e sem nada de interessante pra escrever e que ando visitando os blogs que curto mas NÃO CONSIGO comentar há semanas! Sempre dá erro.
Mas, vamos ao que me motivou voltar a escrever um post. E senta confortável porque a história é longa mas muito séria e importante de ser conhecida.
Vocês já ouviram falar em scammer ou scam?
Scam, traduzindo meia-boca do original inglês, é um golpe, trambique, cambalacho. Scammer é quem o pratica. Na internet os scams mais conhecidos são aqueles golpes que com certeza vocês já conhecem de receber um email dizendo que tem um dinheiro em um banco africano e que você foi escolhido pra ficar com aqueles milhões. Já não recebeu um desses emails?
Mas existe mais um tipo de scam que tem se alastrado e que eu conheci este final de semana, da forma mais dolorosa: quase sendo vítima dele. É o scam romântico.
Se por um lado eu me enverg…

As calcinhas no varal

Hoje lavei minha roupa e, ao estendê-la no varal, fiquei chocada com a "qualidade" de boa parte das calcinhas que ali estavam.

As mulheres que têm entre 30 e 35 anos provavelmente cresceram ouvindo suas mães dizerem para cuidar com a roupa de baixo que usa porque se desmaiar na rua todos verão a calcinha velha, o sutiã com alça encardida - nem é o tema do post, mas quero avisá-las que é verdade! Um ex-colega de faculdade, bombeiro, diz que sim, eles reparam, mesmo nos momentos mais complicados de socorro, se as "moçoilas" estão com calcinha feia! - e falarão que a dona da lingerie é uma porquinha!

Daí hoje, olhando as calcinhas no varal, eu fiquei pensando que ali estavam aquelas calcinhas que normalmente eu usaria só pra dormir. Mas eu não só durmo! Ou seja, eu saí com boa parte delas!!

"Analisando" o varal, lembrei de que eu sempre tentei ser caprichosa com o que vestia por baixo da roupa. Mesmo quando era casada tentava usar lingerie arrumadinha e depois,…

25 em 2013 - Livro 5: Sua resposta vale um bilhão

Eu sinto tanto só agora escrever sobre Sua resposta vale um bilhão que li em fevereiro! Principalmente porque vou deixar muita coisa bacana do livro de fora. Mas gostei tanto que, mesmo assim, vale a pena.
Minha história com o livro é longa. Sou apaixonada pelo filme Quem quer ser um milionário - sobre o qual comentei efusivamente aqui, há 4 anos. Naquela época eu já tinha me interessado pelo livro, primeiro do autor - um diplomata indiano - mesmo correndo o risco de me decepcionar com o filme depois de lê-lo.
Namorei o livro longamente até que encontrei na Estante Virtual - um site que reúne sebos do Brasil inteiro - no comecinho do ano. Paguei R$ 4- sim, quatro reais! - por uma edição praticamente nova.
Quanto à história, muita coisa é diferente do filme - e necessário, se pensarmos na impossibilidade de adaptar um livro inteiro pra 2h de película. Escrevendo isso, o que me vem à cabeça é que, na verdade, o filme é inspirado na idéia central, do menino pobre, criado no mundo e que ganh…