05 janeiro 2009

Vi: Bolt - Supercão

Levei meus sobrinhos ao cinema ontem e, entre Madagascar 2 e Bolt, eles escolheram esse (felizmente! Não sou muito fã de Madagascar, confesso).

A história é de um cãozinho, Bolt, astro de uma série de tevê, junto com Penny, uma menininha que o adora. Mas tem um pequeno problema: Bolt não sabe que não é um herói, já que o estúdio o prende ali, vivendo apenas a vida do seu personagem (meio que um "show de Truman" canino).

Quando, no meio de uma confusão ele escapa e vai parar no outro lado do país, ele encontra ajuda de dois novos amigos para voltar para sua "humana", como ele mesmo a chama. Uma gatinha esperta e um hamster fã dele são seus companheiros.

O que eu mais adoro em filmes de animação é a animação em si. Ei, na minha infância era desenho animado, coisa rudimentar perto do que se faz hoje com animação! E me emociono vendo o que são esses filmes hoje em dia.

Mas a história é fofa, tem uma música bonitinha como tema... só faço uma ressalva pra algumas dublagens, que achei horrorosas, como os pombos em Nova York, que falam com um sotaque bem forçado paulistano, e a gata, dublada por Maria Clara Gueiros que parece acentuar aqui seu "carioquêsh".

2 comentários:

  1. Eu gosto das animações de hoje em dia, mas acho que os filmes em desenho animado que a Disney fazia antes não deixavam nada a desejar. As histórias eram ótimas e as trilhas melhores ainda. Ainda me lembro de várias músicas da Pocahontas, Alice, Branca de Neve, eram clássicos...

    ResponderExcluir
  2. Amo esses filmes, mas as animações me encantam!

    ResponderExcluir